Cinematógrafo de abril (sáb, 27): “Compasso de Espera” faz uma anatomia dramática do racismo brasileiro

Compasso de Espera nunca sugere a existência de uma alternativa cultural ao mundo branco elitista em que Jorge está imerso. Ao mesmo tempo, o mérito central do filme é sua anatomia descritiva e dramática do racismo brasileiro. Elogiado pela crítica e, à época, ignorado pelo público, Compasso de Espera foi rodado em 1969, mas só … Continue lendo Cinematógrafo de abril (sáb, 27): “Compasso de Espera” faz uma anatomia dramática do racismo brasileiro