Com o retorno dos encontros presenciais em Salvador, nossos encontros virtuais mudaram. A partir deste mês de novembro eles acontecem quinzenalmente, nas noites de quarta-feira (19h30). E os emails com links e infos são entregues sempre no domingo anterior ao encontro.

Nesta quarta (10/nov), vamos ao nosso 108º Encontro Virtual Cinematógrafo e Saladearte. Será às 19h30, via Meet. Participe! Inscreva seu email para receber os links especiais, os acessos às salas virtuais e participar das conversas!

Nossos encontros virtuais são abertos e gratuitos e acontecem, de agora em diante, nas quartas-feiras, quinzenalmente. Os filmes indicados são assistidos com antecedência e são temas de nossas conversas! Para participar e receber por email os links especiais e as infos de nossos encontros virtuais, cadastre-se! OS EMAILS são entregues no domingo anterior ao encontro.

Dúvidas? Entre em CONTATO conosco.

📒 NOTA DOS CURADORES

… crise existencial e as conflituosas diferenças entre o velho e o novo, que abrangem uma crítica da modernidade e uma reflexão sobre o mundo contemporâneo. – Pro Fabricio e Mel

Herdeiro da mais alta nobreza italiana e comunista, Luchino Visconti, precursor do neorrealismo, nos legou obras memoráveis como “Rocco e Seus Irmãos”, “O Leopardo”, “Morte e Veneza”, entre outras, consolidando-se como um dos grandes nomes da história do Cinema.

Seus temas habituais são os contrastes culturais e choques sociais entre o antigo e o novo, a iminência da morte, o conflito geracional. É o que vemos, em especial, nos clássicos “O Leopardo” e “Morte em Veneza”. Este “Violência e Paixão” aparece em 1974, na sua fase criativa mais tardia, quando Visconti se encontrava doente e debilitado. O filme retoma a parceria com Burt Lancaster e traz um elenco internacional que, além do ator americano que protagoniza o filme no papel do melancólico professor, inclui o austríaco Helmut Berger, as italianas Silvana Mangano e Claudia Cardinale (em um papel curtíssimo como a esposa do professor), e a atriz francesa Dominique Sanda em uma participação especial como a mãe do professor.

Em “Violência e Paixão”, Burt Lancaster interpreta um professor aposentado que vive solitariamente em um luxuoso palacete aristocrático em Roma, cercado por peças de arte e livros. Um intelectual que se isola do mundo e, de repente, vê sua paz perturbada pela chegada de uma marquesa rica, porém “vulgar” (Silvana Mangano), que insiste em alugar o andar de cima de seu imóvel. Ele hesita e resiste ao máximo, mas acaba cedendo à insistência da marquesa. Com ela, entretanto, vêm o seu jovem amante, a sua filha e o respectivo namorado. As novas presenças que causam, no professor, sensações ambíguas diante da agitação que irrompe no seu cotidiano.

Emergem, então, o embate geracional e os confrontos intelectuais e ideológicos que expressam o contexto cultural e social do pós-maio de 68, além dos temas da crise existencial e as conflituosas diferenças entre o velho e o novo, que abrangem uma crítica da modernidade e uma reflexão sobre o mundo contemporâneo. A casa do professor, único cenário do filme, simboliza um cosmo próprio e seu mundo interior ocupado pela ruidosa intrusão de novos modos de ser e pensar. Um filme belo e forte que equilibra a opulência estética de Visconti com o minimalismo imposto pelas condições de saúde do diretor, velho conde marxista, amante das artes, gênio no teatro e no cinema. Atenção à música do filme, que traz Mozart, mas também “Testardo Io”, canção original de Roberto Carlos, que a gravou em 1972! Bela presença sonora no filme de Luchino Visconti.

Por Camele Queiroz e Fabricio Ramos, cineastas e curadores


📌 nossos encontros virtuais são abertos e gratuitos.

Participe do nosso 108º Encontro Virtual Cinematógrafo e Saladearte. Os curadores Mel e Fabricio vão introduzir a conversa e depois abrir à participação do público. Venha compartilhar suas impressões conosco.

Inscreva seu email para receber os e-mails de nossos encontros, com links e infos. Os e-mails são entregues nos domingos e os encontros acontecem nas noites de quarta-feira, quinzenalmente. A participação é gratuita, aberta a contribuições voluntárias.

Dúvidas? Entre em CONTATO conosco.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s