Cinematógrafo de setembro: “Doze Homens e uma Sentença”, de Sidney Lumet

O clássico de 1957 põe em questão a relação entre os valores que orientam o nosso ideário civilizacional e as questões sociais de fundo moral, político e psicológico. Sessão dia 29/9, às 16h30, na Saladerte — Cinema do Museu.   Nota dos curadores: “Doze homens e uma sentença” (1957), por fabricio ramos e camele queiroz: O que … Continue lendo Cinematógrafo de setembro: “Doze Homens e uma Sentença”, de Sidney Lumet

Anúncios